8.2.07

Até Tú Senhor?

Hoje de manhã, após um bom café e um banho, num momento de descanso antes de ir ao trabalho, deparei-me com esta escandalosa primeira Página do Jornal do Brasil. Prestem atenção meus caros visitantes deste amado blog, na principal manchete deste periódico que alarma a população com o fato de oito milhões de pessoas terem recebido propostas de compras de voto na última eleição.

Um crime deveras hediondo. Mas o interessante foi o diagramador que, posiciona logo ao lado da nota que vem da machete principal uma foto do Cristo Redentor que está concorrendo a uma das 7 novas maravilhas do mundo. Ora, mais uma vez a boa e velha gestalt trasnforma os 3 elementos (manchete, texto e foto) num único grupo na malha gráfica, e o leitor que passa desapercebido não nota que a Foto está se referindo ao outro fato. Com isso, chegamos a conclusão que Cristo (Sim! Cristo Redentor, esta belíssima estátua de 38 metros que faz parte da paisagem cotidiana da cidade maravilhosa) está comprando votos para ser uma das séte novas maravilhas do mundo.

Minhas congratulações ao conhecido Jornal que pela Segunda vez é assunto de um post no blog desta confraria.

6 comentários:

Dinnaps! disse...

\ Esses diagramadores do JB... Todos uns piadistas ateus. Cada vez eu me convenço mais de que gestalt no dos outros é refresco.

Ricardo Artur disse...

hahahahah
notem a chamada da foto:
"O corpo-a-corpo do Cristo"!!!!!

Ricardo Artur disse...

Ah... fiquem atentos:
Como leitor assíduo do JB já constatei que a foto principal está quase sempre em desacordo à manchete principal. Portanto, não acredito que esta seja a última vez que o referido jornal cometerá um deslize desses. Caso vacilem novamente é nosso dever, como guardiões dos ensinamentos de Gropius & Cia. Ltda., livrar o mundo do falso Design.

Kath disse...

Ahm... Gestalt não tem U.

Kath disse...

Discussão pra vocês:
http://casa101.blogspot.com/2007/02/bonitinho-mas-ordinrio.html#links

Luiz disse...

olha eu nao tenho acesso À todos os jornais diários em circulação do país, mas todos os que conheço não possuem uma identidade visual ou diagramação adequada. Esses "diretores de arte" só fazem trabalhos mal feitos...