15.5.09

Viram como é fácil?

Amigos e inimigos desse espaço virtual e virtuoso... Sem dúvida, o designer gráfico tem a sua frente toda uma pletora a esclarecer ao cliente, dos motivos que o levaram a esta ou aquela solução... Mas ninguém - repito - ninguém foi tão perfeito em esclarecer-nos dos conceitos intrínsecos a emblemática pós-moderna da ecológica e excêntrica atitude projetual.



Como diria Dercy Gonçalves, a Eterna: "Porra... PUTA QUE PARIU!"

9 comentários:

Guix disse...

A partir de agora só tenho uma explicação para qualquer coisa que eu venha a fazer:

"Trocando em miudos: nossa solução pretende refletir emblema ético e paradigmático da nossa forma de ver, pensar e agir no mundo."

Beluga disse...

Já disse muito bem o elesbão... esse é o verdadeiro FEBEAPA da defesa de projeto....

Ricardo Artur disse...

Trocando em miúdos: parem o trem que eu quero descer.

Dinnaps disse...

\ Nossos comentários estão cada vez mais auto-referentes (ou seja: MEINHA!). Cadê os nossos comentaristas externos?

Dinnaps disse...

\ Desculpem, vou consertar o comentário anterior:

Trocando em miúdos: quando me referi a comentaristas externos, buscava refletir emblema ético e paradigmático deste espaço de reflexão enquanto livre democracia de idéias para nossos leitores.

Não me referia a nossos comentaristas no exterior ou no interior (lê-se: 'Goiânia').

Criptor disse...

Pela quantidade de maconheiros que vejo na faculdade onde estudo, acho que teremos mais uma leva de "dzainers" desse nível.

Isso que eu chamaria de enrolar o cliente.

Kath disse...

Acho engraçdo como o sujeito quer justificar uma marca ruim com tantas referências e pensadores de nomes importantes.
E "trocando em miúdos" é um outro tópico da justificativa. Sério, se tivesse feito uma marca boa, acentuado corretamente as palavras e dado coerência ao texto, não precisava falar de Cosmologia e Leonardo Boff. Blah!

Dinnaps disse...

\ Leonardo deve estar botando os Boff para fora, Kath, com o perdão do trocadilho em miúdos.

Eschenazi disse...

Placar:

Conceito 10 x 0 Arte